O Jovem César Henrique Estrela de Assis, conhecido como “Cesinha” será mais um representante do distrito de Lagoa dos Estrelas que irá tentar vaga na câmara dos vereadores do município de Sousa no alto sertão da Paraíba, nas eleições que devem acontecer neste ano. Cesinha inclusive tem membros de sua família que já estiveram na câmara municipal, como é o caso do tio Evandro Estrela, que já assumiu assento no poder legislativo sousense.
Conforme as informações, Cesinha é bacharel em direito e também técnico em agropecuária e resolveu ingressar na política através do PP (Partido Progressista), por entender que suas convicções são semelhantes as que o partido apresentou como projeto político paras a eleição municipal em Sousa.
Ainda de acordo com o jovem, é um desejo seu entrar para a política porque que acredita que por conta da  atual situação do legislativo, a câmara merece uma renovação e por isso espera uma oportunidade.
Ele se filiou ao PP por entender que através desse projeto ele tem amplas chances, uma vez que o projeto conta com pré-candidatos que estão na mesma condição que ele, sem privilégios ou favorecimentos.
O Progressistas tem como presidente do diretório local em Sousa, o também jovem Paulo Marcelo (Paulinho) que tem implantado métodos que envolvem estudos e levantamentos no sentido de entender quais são as principais demandas e exigências da população do município de Sousa “nós temos métodos de coletas de dados que são obtidos por meio de determinadas técnicas e um planejamento detalhado, onde através dessas informações, escutamos o clamor da opinião pública, elaboramos o projeto e entregamos a população sousense” revelou Paulinho.
Ainda de acordo com ele, para que o projeto político demonstre seriedade e transparência, e não haja suspeitas, alguns critérios foram estabelecidos  “estabelecemos alguns critérios, ou seja, exigências para o ingresso ao grupo, não aceitamos a entrada de políticos, todos que fazem parte desse seleto grupo, presidentes, vice-presidentes,  diretorianos, advogados, filiados e pré-candidatos a vereadores, não são políticos, nunca tiveram mandatos, o grupo não tem ligação com político algum da querida cidade de Sousa-PB” destacou Paulo Marcelo.
O PP de Sousa tem como perfil a neutralidade, desenvolvendo o seu trabalho de forma independente, não sendo nem situação e nem oposição, mas se colocando na condição de excelente “OPÇÃO” para as eleições vindouras.
Em trecho de conversa que Paulinho teve com o blog, ele revelou também que o grupo é autônomo e não sofre influência “o grupo tem livre arbítrio, pulso firme e autonomia, não existe influência e interferência política. O projeto político é em prol do povo, para resgatar a esperança, a crença e a confiabilidade da população sousense. Nossa bandeira é a disputa no legislativo, nossa meta é sair da cúpula do poder e ir até a periferia. Trata-se de uma renovação e inovação, a Câmara saindo de seu habitat, de sua zona de conforto, e indo para o meio da sociedade, para ouvir o cidadão de chinelo, de alpargata, aquele que não tem essa sandália Havaianas dos ricos, é aquela comprada em feira. Esse cidadão quer falar com seu vereador, quer tocá-lo, quer saber se ele existe, quer que ele sinta os sofrimentos do bairro, que ele saiba que tem um quebra-molas para ser feito, que lá tem necessidade de uma escola, que o bairro precisa de PSF [Programa de Saúde da Família] para suas demandas. É esse o sentimento do nosso projeto. O que queremos é formar cidadãos que possam ser mais capazes de participar da vida em sociedade e que tenham mais consciência para defender a democracia, os valores democráticos, as liberdades, a igualdade, o acesso à Justiça e os direitos humanos.O nosso lema é Oportunidade para todos, Vez e Voz ao povo de Sousa”. Finalizou falando de forma concreta sobre do PP e demais partidos que compõem o projeto na cidade de Sousa-PB.