O Prefeito do Município de Vieirópolis, Antônio de Braga está sem entender a desaprovação de um pedido de dotação orçamentária enviada para apreciação do Poder Legislativo no último sábado (23). O valor era de R$ 60 mil, o beneficio era para os 118 estudantes do Projeto ProJovem Educação do Município.
Como a oposição tem maioria, rejeitou a solicitação do Prefeito para dá continuidade ao programa, e agora, o dinheiro vai ter que ser devolvido ao Ministério da Educação.
 É uma vergonha! Como é que os Vereadores votam contra a educação do Município? Esse projeto era dos Jovens que não tiveram oportunidade de estudar. Era do Professor que trabalha. Agora vou devolver R$ 60 mil. Invés de o dinheiro ficar para educação dos jovens cidadãos do Vieirópolis vou ter que devolver, lamentou o prefeito, Antônio de Braga.
O prefeito disse que esses alunos prejudicados recebem um incentivo a mais da prefeitura de R$ 20 reais como bolsa para que eles continuem na sala de aula e garantam seus estudos.
– É um projeto muito audacioso. Não entendo como é que os Vereadores eleitos pelo povo ficaram contrários aos 118 alunos, jovens que querem ser gente em Vieirópolis? Ser contra os professores? Eles não têm partidos, também os alunos que estudam, não têm partidos. Eu faço um governo para todos, frisou, Antônio de Braga.
 A notícia da desaprovação do pedido de dotação orçamentária correu por toda a Cidade, e deixou 118 Jovens estudantes prejudicados com a oposição politiqueira adotada pelos Vereadores da base oposicionista de Vieirópolis.
 Hoje, o Prefeito, Antônio de Braga conta apenas com 4 Vereadores de sua base, enquanto a oposição permanece com 5 parlamentares mirins.
Pereira Jr.
Articulista Político